sexta-feira , 20 setembro 2019

Prefeitura de Ouro Velho realiza I Fórum Comunitário do Selo UNICEF

A Prefeitura de Ouro Velho, através das secretárias de Ação Social, Saúde e Educação, e com a participação da secretaria estadual da juventude, realizaram o I Fórum Comunitário do Selo UNICEF, que tem como finalidade a elaboração de um plano de trabalho para nortear nos próximos anos as ações do município no que diz respeito a implantação, consolidação e ampliação de políticas públicas voltadas à criança e ao adolescente.

O evento ocorreu no CRAS e contou com a participação da prefeita, Natália de Dr Júnior, da secretária de Saúde, Liudmila Nunes, da secretária de Ação Social, Aline Lucena, da secretária de Educação, Edjane Cabral, e a da secretária Estadual da Juventude, Pricila Gomes.

Na ocasião, a prefeita Natália de Dr Júnior, apresentou ao público os indicadores vinculados à garantia de direitos das crianças e adolescentes que serão avaliados pela atual edição do Selo, ressaltando algumas das estratégias que o município precisa definir e implantar para consolidar os indicadores em que já tem bom desempenho ou para tornar satisfatórios os indicadores em que ainda precisa avançar.

A secretária Estadual, Pricila Gomes, falou sobre a importância do Selo UNICEF, para os municípios.

“O objetivo é contribuir para que os municípios que participam do Selo UNICEF adotem estratégias que já se mostraram eficazes para redução de homicídios de adolescentes, para atendimento adequado a vítimas de violência (especialmente violência sexual), para redução do racismo e municipalização de medidas socioeducativas em meio aberto”, finalizou a secretária.

A prefeita, Natália de Dr Júnior, nos relatou que esses encontros sirvam para compartilhar boas experiências existentes no Brasil, através de ações do Selo UNICEF.

“Os municípios têm papel fundamental na proteção das crianças e adolescentes. Esperamos, nesses encontros, compartilhar muitas boas experiências que existem no Brasil para que os meninos e as meninas parem de ser assassinados, vítimas de acidentes, cometer suicídios, sofrer racismo e discriminação e ser vítimas de violência sexual”, completou a prefeita.

O selo UNICEF

Criado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), o Selo Unicef propõe aos municípios brasileiros um conjunto de ações que buscam, através da implantação e consolidação de políticas públicas, a garantia de direitos a crianças e adolescentes.

A cada edição do Selo os municípios inscritos passam por uma avaliação de indicadores, especialmente os relacionados à Saúde, Educação e Assistência Social, e a partir deles recebem um conjunto de metas a serem cumpridas para melhoria dos mesmos em um período de quatro anos.